VULP invade 93!

No mês passado, o VULP e o Projeto Experimental 93 uniram forças para receber os bicicleteiros cheios de saudades do querido bici-café, que está temporariamente de portas fechadas, até que reabra em novo endereço e com uma renca de novidades boas.

Claro que a festa foi demais e reuniu as ricas carinhas que amamos!

Se dizem que não há amor nessa cidade, é só porque não falam desse rolê ( que tem muiiito ❤ )

Vem, genten!

DebDorneles05032015_DSC0136 DebDorneles06032015_DSC0290 DebDorneles06032015_DSC0285 DebDorneles05032015_DSC0270 DebDorneles05032015_DSC0256 DebDorneles05032015_DSC0255 DebDorneles05032015_DSC0254 DebDorneles05032015_DSC0253 DebDorneles05032015_DSC0252 DebDorneles05032015_DSC0244 DebDorneles05032015_DSC0242 DebDorneles05032015_DSC0240 DebDorneles05032015_DSC0238 DebDorneles05032015_DSC0215 DebDorneles05032015_DSC0214 DebDorneles05032015_DSC0212 DebDorneles05032015_DSC0208 DebDorneles05032015_DSC0207 DebDorneles05032015_DSC0201 DebDorneles05032015_DSC0193
DebDorneles05032015_DSC0177 DebDorneles05032015_DSC0176 DebDorneles05032015_DSC0174 DebDorneles05032015_DSC0173 DebDorneles05032015_DSC0169 DebDorneles05032015_DSC0166 DebDorneles05032015_DSC0156 DebDorneles05032015_DSC0155 DebDorneles05032015_DSC0152 DebDorneles05032015_DSC0150 DebDorneles05032015_DSC0147 DebDorneles05032015_DSC0144 DebDorneles05032015_DSC0142 DebDorneles05032015_DSC0141

DebDorneles06032015_DSC0295 DebDorneles06032015_DSC0301 DebDorneles06032015_DSC0305 DebDorneles06032015_DSC0307 DebDorneles06032015_DSC0310

Anúncios

Sobre Deb Dorneles

Em meus diferentes momentos de sentir, gosto de recortar a realidade, abrir pequenas janelas para o que vejo, e fechar portas para o que quero deixar lá fora. Percebo algo muito natural e delicado no que observo, e faço registros desses olhares externos para que reflitam o que se passa internamente. Há um tempo passando, há vida acontecendo, há uma perecividade de que fugimos, e as fotografias podem nos fazer escapar disso, congelando, protegendo, iludindo. Ou servir de lembretes de nossa mortalidade, interpretando, revelando, expondo, como em um sonho bom ou nem tanto. Gosto de brincar com essas forças e provocar a mim mesma com suas diferentes possibilidades. Faço imagens para que entretenham-me e não me deixem esquecer. Embelezo a angústia e simplifico a alegria, assim continuo respirando, avançando, sendo. ♕
Esse post foi publicado em Projeto Experimental 93, Vulp e marcado , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s